Oração da Humildade e Serenidade

Oração da Humildade e Serenidade
Saiba que para tudo há uma solução

sexta-feira, 5 de abril de 2013

Não sei tudo,mas...



Queridos amigos,como diz o título...não sei tudo,mas...o que sei e o que me faz bem tento compartilhar com vocês.
 Em minha vida que tem 6 décadas e mais 7 anos...vivi vários momentos de desconfortos,outros que não sabia o que fazer,outros que me amarguravam e poucos lembros de alegrias,mas tive alegrias...dividindo minha vida em décadas(é uma experiência que venho fazendo) percebí que do zero aos 10 anos...ficou um trauma do colégio interno...não entendi porque tinha que ficar separada dos meus pais com freiras rígidas...tomar banho frio às cinco da manhã,escovar os dentes com sabonete(ardia a boca),ir à missa às 6 horas da manhã todos os dias...ficar sempre no colégio sem ver ninguém conhecido...mas os dias passaram com a ajuda da bondosa freira irmã Ângela que me dizia todos os dias que minha mãe viria me buscar algum dia...e ela veio,não a reconheci,mas como confiava na freira fui com ela e iniciou outra fase na minha vida tb de atropelos...por que será que a gente lembra só das dificuldades?
 

Aos 8,9,10 e 11 anos ficava feliz em ir para a escola e quando meu pai nos levava ao cinema...tinha uma amiga que lembro até hoje,mas perdi o contato,a Tecinha como a chamava,mas seu nome é Tecla(ela não gostava do nome);dos 11 aos 20 anos grandes transformações...mudei de cidade e voltei a terra natal...completei meus estudos da primeira faze(naquele tempo era o primário,o ginásio) e aos 15 anos mudei novamente de estado e cidade.


Uma lembrança boa foi quando me forme no ginásio e ganhei uma viagem da minha mãe para Florianópolis para conhecer uma tia e primos que moravam lá.
Logo em seguida a mudança de cidade.
Então houve namoro,noivado,casamento...ah esse foi muito triste,mas quero lembrar do dia que fiquei sabendo do meu querido filho...do seu nascimento,da sua existência até hoje muito feliz para nós.
 Em 1986,tb uma transformação na minha vida...conheci o Espiritismo que me trouxe muita consolação,entendimento da vida e mudança em minhas atitudes agressivas devido a raiva que eu tinha da minha vida ser daquele jeito.


Eu havia sonhado uma vida de casada feliz,alegre,harmônica....e me revoltava não tê-la conseguido,como tb não entender a mudança de tratamento do meu marido para comigo.
Mas pulando as décadas dos 20,30...grandes tormentos;40 e 50 começo do entendimento e uma grande alegria...casamento do meu único filho;e dos 60 e 67 que me encontro agora...acho que melhorei bastante quanto ao entendimento da vida e como lidar com tudo que nos aborrece.
Atualmente aos 67 anos,tenho uma vida tranquila porque sei fazê-la ficar tranquila...mas tenho preocupações, tenho tristezas,tenho ressentimentos ainda que não consegui eliminar,porém não os deixo interferir no dia a dia.


Depois de ter trabalhado bastante,aposentei,tenho netos queridos que só nos dão alegria..continuo na Doutrina dos Espíritos e,para mim, sem ela não teria conseguido serenar minha mente,pois só Jesus tem a fórmula da boa vivência na terra.
Sempre escrevo alguma coisa pessoal,para servir de incentivo para vc que agora lê e,pode estar passando por angústias,doenças,como passei,transtornos mentais e desequilíbrios emocionais,depressão como fiquei vários anos,e, que agora vejo quanto tempo perdido querendo uma coisa do meu modo sem olhar para os lados onde Jesus me abria portas,janelas,mas na minha birra,eu queria aquela porta que havia se fechado para mim.


Tenha fé em Deus,primeiramente,ore sempre(eu fazia sempre isso),embora as coisas te parecem que não mudam,queira sair de uma situação conflitante,busque ajuda(eu ia sempre aos médicos clínicos,psicólogos,psiquiatras),se puder leia livros de auto ajuda( os primeiros que me emprestaram foi do Padre Lauro Trevisan ..atualmente ele tem um programa na rede vida...os livros dele são muitos bons...abriram a minha cabeça)e busque também uma comunidade de voluntariado...nada como ver o sofrimento alheio para julgar o nosso e ver que é bem menor,não se envergonhe do que sente,do que está sentindo...você precisa compreender a sua vida para saber o que vai fazer para ela melhorar,e essa melhora,nem sempre é do jeito que queremos,precisamos ainda nos adaptar as novas mudanças que a vida exige de nós,mas creia,somente com Deus em tua vida conseguirá superar.

 Todos os dias,anime-se,não se entregue a derrota,ao pensamento de que a vida é assim mesmo,pois assim não conseguirá enxergar o que a vida tem de bom...e o que vc precisa alcançar...não queira grandes coisas,mas alegre-se com as pequenas...elas se unirão formando uma grande alegria em tua vida.Outra coisa muito importante que aprendi,agradecer...tudo...até aquilo que não gostamos...pense assim...se Deus permitiu é porque é bom para mim e analise a situação e tire o que tem de melhor.

 Espero que vc tenha se animado e sentido que tudo tem solução boa, não a derrotista,mas a vida exige mudanças nossas para o nosso crescimento espiritual que é o objetivo da vida terrena.
De hoje em diante pense em algo que vc possa modificar para sair da tristeza ou qq coisa que esteja te aborrecendo.
Deus te abençoe,fortaleça tua vontade,ilumine teus caminhos.Assim seja.